• Dialog

Pandemia: três dúvidas mais comuns que o RH e a comunicação interna devem responder

“E as minhas férias?”, “Vão ter cortes na empresa?” “Vamos voltar em breve?”. As dúvidas dos colaboradores não são poucas e com razão. Da mesma forma que ainda existem muitas incertezas sobre a gravidade real da pandemia do novo coronavírus, ainda há todas as especulações dos seus efeitos no trabalho e vida pessoal de cada um.


Diante de todo o cenário, uma das únicas certezas é o papel fundamental que as áreas de Comunicação Interna e Recursos Humanos estão desempenhando, neste momento, para acalmar os colaboradores e ainda manter a segurança, com objetivo de preservar as operações. Por isso, o Dialog.ci listou os principais questionamentos ouvidos pelos gestores e a melhor forma de resolver essas situações. Confira:


1- Direitos trabalhistas


Entre transições do trabalho presencial para home office, paralisação de diversas atividades e possíveis cortes, as principais dúvidas que permeiam os colaboradores é sobre as possíveis mudanças nas relações de trabalho. As questões dentro desse tema podem ser bem abrangentes, desde se haverá cortes de salário/hora, no quadro de colaboradores ou até mesmo se vão continuar recebendo seus benefícios e férias. Abra um canal de comunicação franco com os colaboradores sobre as mudanças e se houver medidas mais drásticas, reforce os direitos do trabalhador e esteja à disposição, mostrando solidariedade com ele e sua família em meio a tempos tão difíceis. Empatia e transparência podem ser decisivos para evitar uma gestão de crise ainda maior ou impactar na produtividade.


2- Como manter a produtividade em home office


O home office deixou de ser uma opção para se tornar uma necessidade. Enquanto algumas empresas já estavam preparadas para o modelo, outras ainda estão em fase de adaptação. O trabalho da equipe de Recursos Humanos ao lado da comunicação interna nesse momento é facilitar ainda mais essa transição. Além de campanhas com maneiras de manter a produtividade fora do escritório e pesquisas internas de clima organizacional para entender como está a opinião dos colaboradores sobre esse momento, certifique-se que cada profissional conta com um espaço e as ferramentas adequadas para cumprir sua função.


A saúde mental também não pode ficar de lado, por isso, muitas empresas já estão apostando em lives com aulas de yoga, dança ou oferecendo apoio jurídico, financeiro e psicológico para os colaboradores. Além de deixar o período mais tranquilo, agrega valor à marca e aproxima os colaboradores mesmo em home office.


3 - Quando tudo vai voltar ao normal


Nenhum gestor ou equipe de RH sabe ao certo quando a situação vai normalizar. Mas em uma época de tantas incertezas, cabe a equipe de comunicação interna acalmar o colaborador através de informações transparentes e estar aberto para responder todas as dúvidas. A melhor forma de comunicar os colaboradores sobre as mudanças que estão acontecendo na empresa, cada vez em espaços de tempo mais curtos, é adotar uma plataforma de comunicação interna efetiva, considerando que nem todos estão no escritório e muitos e-mails acabam se perdendo.


Com o Dialog.ci, ferramenta de comunicação interna e rh, você pode concentrar as mensagens-chave das principais lideranças e porta-vozes da empresa. Além de permitir uma interação com os colaboradores de forma horizontal e participativa por meio de posts na time-line, de forma organizada e sem ruídos. Uma plataforma corporativa gamificada, que deixa 100% dos colaboradores atualizados sobre qualquer notícia ou dado relevante e permite a aproximação de todos os setores da empresa. Em um momento de pandemia, é esperado que os colaboradores fiquem ansiosos por informações atualizadas da companhia e a Dialog.ci pode facilitar essa comunicação.


0 visualização
LINKS
CONTATO

contato@dialog.ci

Tel: (11) 4871-7143

Av. Juscelino Kubitschek, 1726

São Paulo, SP